assembleia

assembleia

12 de janeiro de 2021

Clayton Noleto fala sobre obras do novo Socorrão

 


As obras do novo Socorrão de Imperatriz já iniciaram. Nesse momento são executados os trabalhos de limpeza do terreno e nos próximos dias iniciam os de terraplanagem. O secretário de Estado da Infraestrutura (Sinfra), Clayton Noleto, falou sobre o assunto, em entrevista ao site de notícias, Imperatriz-online, nessa segunda-feira (11).

Os serviços são executados pelo Governo do Estado, por meio da Sinfra, e contam com o orçamento de mais de R$ 60 milhões, com estimativa de término para os próximos 24 meses, melhorando o atendimento de urgência e emergência, que segundo o secretário, é uma demanda importante do município.

“A demanda por urgência e emergência todo mundo conhece, infelizmente a cidade não tem condições para atender. Estamos cuidando da obra e a região Tocantina pode contar com todo zelo e comprometimento da gestão Flávio Dino. Digo sempre para a população pensar no novo Socorrão com a estrutura do macrorregional”, afirmou.

Para garantir o melhor atendimento, o hospital contará com uma estrutura composta por 131 leitos, sendo 120 de enfermaria e 11 de UTI. Além disso, a unidade vai dispor de 24 salas de observação, duas de medicação e de coletas - sendo metade para atendimento de crianças e a outra metade para adultos, sala de sutura, de imobilização, sete de cirurgia, duas de raio x, uma de tomografia, ultrassonografia, eletrocardiograma, de exame de colonoscopia e de endoscopia.

Sobre o funcionamento, Noleto explicou que as tratativas com a prefeitura e Governo Federal ainda serão realizadas e que no momento a prioridade é a construção e entrega da unidade hospitalar. “Vamos entregar da mesma forma que fizemos com todos os outros já em funcionamento em outras cidades do Maranhão, a exemplo de Coroatá, Balsas, Imperatriz e Bacabal”.

O secretário explicou ainda que atualmente são aplicados aproximadamente R$ 180 milhões para custear a rede de hospitais com atendimento de qualidade para a população do Maranhão. “Através da correta aplicação de recursos, o Governo tem conseguido manter os hospitais em funcionamento e com qualidade. No caso do hospital será semelhante em termos de estrutura e o custeio será definido pela secretaria de saúde”, destacou.

Outras obras - Clayton Noleto mencionou outras iniciativas do Governo do Estado em Imperatriz, que somam cerca de 15 milhões, que reforçam o atendimento na cidade a exemplo do tratamento de câncer, das obras de ampliação e modernização do Hospital Regional Materno Infantil e Casa da Gestante e do Hospital Macrorregional Drª Ruth Noleto.