assembleia

assembleia

2 de fevereiro de 2021

Alberto Sousa apresenta balanço do primeiro mês a frente da CMI

 

Primeiro mês de gestão da Nova Mesa Diretora da CMI foi marcado por redução de custos administrativos e diálogo com todas as instituições públicas e privadas 

Presidente da Câmara falou sobre inovações, números e avanços da Casa nos primeiros 30 dias de sua gestão 

Sidney Rodrigues – ASSIMP 

Fotos – Sidney Rodrigues 

Eleição de presidências das comissões permanentes, sessões extraordinárias, enxugamento da máquina administrativa, redução de custos e gastos desnecessários, modernização dos processos internos e de pagamentos, readequação dos serviços. Estes foram alguns dos resultados apresentados pelo presidente da Câmara Municipal de Imperatriz, vereador Alberto Sousa (PDT), nesta segunda-feira, 1 de fevereiro, durante reunião no gabinete da Presidência com os chefes dos departamentos, para balanço do primeiro mês de gestão da Nova Mesa Diretora. 

 

“Podemos destacar de positivo a autonomia, independência e austeridade, conquistadas por esta Casa. Me orgulho também da aproximação do Poder Legislativo com o Executivo, com a população e as instituições. Trabalhamos para o resgate da harmonia, da interação entre os mais diversos seguimentos para fazermos a boa política, para que o povo possa participar do nosso dia a dia e sugerir projetos por meio dessa abertura que proporcionamos”, destacou.  

 

O presidente pontuou que, brevemente o Legislativo Municipal vai promover um encontro com todos os presidentes de Câmaras das cidades próximas, e está prevista uma sessão especial com deputados federais, estaduais e senadores.  

 

“O intuito será debater a cidade, ouvir o que cada um tem de sugestão, de ideias e o que pode dar de contribuição para nossa metrópole”, disse, destacando que os resultados apresentados são fruto do trabalho de todos os vereadores. 

 

Alberto lembrou que, nesta terça (02/02), a Câmara realiza 1ª Sessão Solene, com a abertura dos trabalhos de 2021 e afirmou que serão muitas proposições, entre projetos de lei, de resolução, de indicação, moção e requerimento. O trabalho será intensificado para dar conta das votações prioritárias. 

 

“Estou plenamente satisfeito com o resgate da autoestima do cidadão e do trabalho feito pelos vereadores desta Casa. A CMI não será apenas coadjuvante na gestão desta cidade, mas uma parceira naquilo que for bom para o munícipio. Aqui não existem blocos e minorias. Trabalhamos juntos pelo futuro de Imperatriz”, reafirmou o presidente.